4 Poderosos Pilares dos "grandes" pregadores.

15/10/2017

1º Pilar: O devocional

"Meditarei em todas as tuas obras e considero todos os teus feitos" (Sl. 77.12)

Sabe aquele momento que você tira para ficar meditando na Palavra, orando e louvando na comunhão com Deus? Pois bem, este é um dos pilares mais importantes para se tornar um grande pregador ou uma grande pregadora da Palavra de Deus.

E não somente isso, meditar é, antes de tudo, contemplar as obras do Criador, desenvolvendo um relacionamento direto com Ele. Neste momento devocional, anote no papel tudo o que vier ao seu coração.

Mas lembre-se de que este é um momento apenas seu com Deus. Não há teologia, exegese, homilética... nada! Apenas você e Deus. Aproveite esse momento íntimo para conhecer mais dEle através da meditação em Sua Palavra.

2º Pilar: A preparação

"Procure apresentar-se a Deus aprovado, como obreiro que não tem do que se envergonhar e que maneja corretamente a palavra da verdade" (2 Tm 2.15)

Apresentar-se a Deus aprovado significa apresentar-se em excelência. Significa apresentar-se em nome dEle de maneira excelente, sem nada que o envergonhe. Por isso, antes de qualquer pregação, faça uma preparação minuciosa. Selecione os versículos, organize-os, levante argumentos e fatos. Dessa forma, você estará no caminho certo para uma pregação de excelência.

Escolha o tema que será ministrado, busque em Deus o que Ele deseja que seja pregado através de você. Feito isso, defina o propósito da pregação e elabore o assunto principal de acordo com as necessidades do público a quem você irá ministrar. Estude os textos com afinco, elaborando uma pregação sucinta e bem esclarecida.

3º Pilar: Conectividade

"Jesus, cheio do Espírito Santo, voltou do Jordão e foi levado pelo Espirito Santo ao Deserto" (Lc 4.1)

Se você já se preparou, buscou a Deus, treinou e orou, agora é o momento mais importante: a conectividade. Isso significa, antes de qualquer coisa, estar conectado com o Espírito Santo e com as coisas do alto.

Quando vamos realizar um sermão, é preciso que estejamos em total sintonia com Deus através do Espírito Santo. Lembre-se de que Ele deseja que falemos à Sua igreja e, se não estivermos em conectividade com Ele, o discurso será completamente vazio. Aliás, o próprio Jesus, cheio do Espírito Santo, foi guiado por Deus.

4 Pilar: A eloquência

"Então Pedro levantou-se com os Onze e, em alta voz, dirigiu-se à multidão." (Atos 2:14a)

Sem dúvida alguma, a chave de sucesso de um grande pregador é falar bem. Por isso, a eloquência se torna o fator técnico predominante necessário para se desenvolver um discurso de excelência.

A eloquência é a capacidade de falar e expressar-se com desenvoltura, e essa capacidade é um pilar de suma importância na arte da pregação. Quando estiver pregando, peça a opinião de uma pessoa de sua confiança, peça a ela que use de sinceridade sobre o que ela pôde perceber em sua pregação. Dessa forma, sempre faça os ajustes necessários.

Fonte: Mundo bíblico